Mundo

Mc'Donalds fechará temporariamente suas sedes na Rússia

Reprodução

A empresa continuará pagando o salário dos 62 mil funcionários

Publicado em 08/03/2022, às 22h37    Reprodução    Redação

O McDonad’s anunciou nesta terça-feira (8) que suspendeu temporariamente suas operações na Rússia. Com isso, todas as lojas serão fechadas como resposta a invasão do regime de Vladmir Putin à Ucrânia. A empresa continuará pagando o salário dos 62 mil funcionários enquanto as lojas estão fechadas.

A suspensão das atividades afetará os 850 restaurantes espalhados pelo território russo, que operam há quase 30 anos no local. Em comunicado emitido em uma de suas redes sociais a multinacional informou:

"O McDonald's decidiu fechar temporariamente todos os nossos restaurantes na Rússia e pausar todas as operações no mercado. Entendemos o impacto que isso terá em nossos colegas e parceiros russos", diz um trecho. 

Leia também: 

Sem previsão para reabrir por conta da invasão de tropas russas na Ucrânia, a empresa explica que houve uma quebra de cadeia com a falta de suprimentos. 

"À medida que avançamos, o McDonald's continuará a avaliar a situação e determinar se são necessárias medidas adicionais. Neste momento, é impossível prever quando poderemos reabrir nossos restaurantes na Rússia. Estamos passando por interrupções em nossa cadeia de suprimentos, juntamente com outros impactos operacionais. Também acompanharemos de perto a situação humanitária", afirma. 

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão

Classificação Indicativa: Livre