Polícia

Brasileira morre nos EUA após ser baleada pelo próprio filho

Reprodução  // Redes sociais

Adriana Ohlson, de 49 anos, foi atingida pelo próprio filho David Allan Ohlson, de 18

Publicado em 29/04/2022, às 17h42    Reprodução // Redes sociais    Redação BNews

Uma brasileira de 49 anos morreu após receber um tiro de espingarda dado pelo próprio filho, na cidade de Pensacola, na Flórida, nos Estados Unidos. Adriana Ohlson foi atingida por um tiro disparado por David Allan Ohlson, de 18 anos, que está preso sem direito à fiança.

Nesta quinta-feira, David se declarou inocente da acusação de assassinato em segundo grau com arma de fogo, segundo o G1. Mas, de acordo com a imprensa local, o suspeito admitiu em depoimento ter atirado contra a mãe. O crime aconteceu em 8 de abril na casa da família.

Leia também:

Organização Mundial do Turismo suspende Rússia da entidade
Japão encontra casco de navio de turismo seis dias após desaparecimento
Turismo fatura alto com viagens nacionais; Salvador e Praia do Forte se destacam

Em depoimento, David afirmou ao xerife do condado de Escambia que "de todas as pessoas que ele planejava atirar, ele não esperava que sua mãe fosse uma delas". Aaron Ohlson, que é pai de David, foi quem ligou para a polícia e relatou o tiro. Na ocasião, ele relatou que seu filho atirou em sua ex-mulher de forma acidental.

O pai do suspeito também relatou ter recebido um telefonema da vítima para dizer que David estava "com mau comportamento" e, na ocasião, ela falou sobre uma arma.

Ao chegar à residência, Aaron se deparou com a ex-mulher em pé na sala de estar, e seu filho, David, sentado de pernas cruzadas no chão. O suspeito então apontou a arma para o pai e, em seguida, para a mãe. Quando Aaron tentou se aproximar, David disparou contra a vítima e imediatamente largou a espingarda no chão.

Quando os agentes chegaram ao local, encontraram Adriana na sala de estar com um ferimento de espingarda no abdômen. Ela foi levada para o hospital onde morreu na cirurgia. Aaron disse ainda que seu filho tem alguns problemas psicológicos, mas não detalhou quais.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão!

Classificação Indicativa: Livre