Política

Aziz confirma que relatório da CPI deve propor indiciamento de ao menos 30 pessoas

Jefferson Rudy/Agência Senado

Publicado em 05/10/2021, às 08h22    Jefferson Rudy/Agência Senado    Redação BNews

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o senador Omar Aziz (PSD-AM), afirmou que o relatório final da comissão, que deve ser apresentado no dia 19 de outubro pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), indicie pelo menos 30 pessoas. A lista inclui políticos, médicos e empresários.

Nos bastidores, já é dado como certa a presença do presidente Jair Bolsonaro e do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o terceiro a assumir o cargo no governo durante a pandemia.

O parecer será apresentado no dia 19 de outubro, após uma cerimônia em homenagem às vítimas do coronavírus. Segundo informações da CNN Brasil, Calheiros informou que a lista final ainda não apresentada e que pode haver mudanças. Ele reitera que enviará à Procuradoria-Geral da República (PGR) somente os nomes com prerrogativa de foro.

O restante dos pedidos de indiciamento serão enviados para ministérios públicos estaduais, procuradorias-gerais dos estados, tribunais de contas e assembleias legislativas.

Leia mais

-Deputado bolsonarista é denunciado pela PGR por supostamente ter forjado próprio atentado

-Aziz anuncia data de encerramento da CPI da Covid e apresenta cronograma com últimos depoimentos

-CPI da Covid: Luciano Hang terá que explicar sobre atestado de óbito da mãe e "gabinete paralelo"

Classificação Indicativa: Livre