Política

Audiência pública discute política municipal voltada para a juventude

Imagem Audiência pública discute política municipal voltada para a juventude

A sessão acontece nesta quinta-feira (6)

Publicado em 03/06/2013, às 22h05        Redação Bocão News (Twitter:@bocãonews)

O enfrentamento da violência, o combate a drogas e a criação de oportunidades de emprego e trabalho para os jovens de Salvador, serão os temas discutidos na audiência pública que acontece no Centro de Cultura e Lazer da Câmara Municipal. Confira na íntegra a nota da assessoria de comunicação do vereador enviada para imprensa.

Discutir e elaborar um plano de ação que sirva como referência no desenvolvimento de políticas públicas voltadas para o enfrentamento da violência, o combate a drogas e a criação de oportunidades de emprego e trabalho para os jovens de Salvador. Esta é a proposta da audiência pública organizada pelo mandato do vereador Sílvio Humberto, presidente da comissão de Educação, Esporte, Cultura e Lazer. Intitulada Política Municipal da Juventude, a audiência acontece no dia 06 de junho (quinta-feira), às 14 horas, no Centro de Cultura da Câmara Municipal.

De acordo com o vereador socialista, a audiência é uma oportunidade de discutir com os próprios jovens temas que os atingem diretamente, como os índices de homicídios, que tem predominância entre homens negros, com idade entre 15 e 29 anos, a redução da maioridade penal e o programa do governo federal Juventude Viva. “O fato de existir um programa chamado juventude viva é um reconhecimento que estamos perdendo os nossos jovens para uma espécie de genocídio e é necessário que medidas que alterem esse quadro sejam realizadas”, explica o vereador.

Sílvio Humberto destaca ainda que é papel do legislativo promover discussões sobre o executivo que colaborem para a criação de políticas públicas, atos adminsitrativos e leis que tragam beneficios para a população. “Essa audiência pretende discutir as propostas com os jovens e não para os jovens. É preciso fazer um trabalho de parceria, com a nossa juventude dizendo o que é preciso ser feito. Afinal, já temos 5 meses de gestão e ainda não conhecemos qual é a política da prefeitura voltada para os jovens dessa cidade. Estamos fazendo o nosso papel de propor mudanças que garantam uma Salvador melhor para todos”, completou.

Além dos jovens e das organizações de movimento sociais, a audiência terá a participação da Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), da Secretarias Estadual e Nacional de Promoção da Igualdade (SEPROMI), do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

Foto: divulgação

Classificação Indicativa: Livre