BNews Pet

Prova de amor: Jovem sai do emprego para ficar do lado de cadela com doença terminal

Reprodução / Redes Sociais

Cadela foi diagnosticada com demência e vários outros problemas de saúde

Publicado em 20/05/2022, às 18h53    Reprodução / Redes Sociais    Redação BNews

Sabe aquelas histórias que parecem enredo de filme? Esta é uma delas. Uma jovem largou o seu emprego para ficar ao lado de sua cadela que tem uma doença terminal e ajudá-la a completar uma lista de últimos desejos.

O caso aconteceu com Megan Marshall, de 31 anos, que passou 15 anos da sua vida ao lado de Sasha e quis tornar os seus últimos dias da pet os mais especiais possível.

Leia também: 

O animal foi diagnosticado com demência e vários outros problemas de saúde que, eventualmente, o deixaram completamente paralisado e incapaz de andar. A tutora, que vive no Reino Unido, estava administrando um negócio - passeadora de cães -, e entre os desafios do trabalho, também teve que lidar com a saúde debilitada da sua cachorrinha.

“Eu estava achando tão difícil conciliar os dois, então larguei meu emprego e decidi trabalhar para mim mesma e dar à ela o tempo que ela precisa, e então a lista de desejos surgiu na minha cabeça", contou Megan ao Metro.Co.

Lista de desejos

A cachorrinha já completou grande parte de sua lista de desejos, incluindo visitar a praia, pegar um sorvete de uma van, entrar em uma exposição de cães, desfrutar de um jantar de bife e ter uma festa de aniversário e festa do pijama com seus amigos cães.

Além disso, ela conheceu o Papai Noel, esteve no zoológico, visitou uma casa de repouso, o Palácio de Blenheim e a Kings Road em Londres, e teve uma linda sessão de fotos profissional. Por fim, para completar a lista, falta ir ao Castelo de Windsor, visitar os açougueiros e ir a uma escola para conhecer as crianças.

“Eu sei que perdê-la será uma grande luta para mim, então isso me dá a sensação de que fizemos tudo o que pudemos. Eu sei que ela estava tão feliz", disse, Megan.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre