BNews Pet

Cidade alemã proíbe gatos domésticos de sair de casa e desobediência pode gerar multa; saiba o valor

Ilustrativa / Pixabay

Decreto se aplica a todos os gatos que vivem na zona sul da cidade e deve ser repetido durante os próximos três anos

Publicado em 19/05/2022, às 18h19    Ilustrativa / Pixabay    Redação BNews

Gatos domésticos da cidade de Walldorf, na Alemanha, não podem mais sair de casa até o final de agosto. De acordo com a decisão, caso o dono descumpra a medida, o responsável pelo animal pode levar uma multa equivalente a R$ 2,86 mil.

As autoridades informaram que a ação tem como objetivo proteger a cotovia-de-poupa, uma espécie rara de pássaros que está na temporada de acasalamento.

Leia também: 

O decreto - que se aplica a todos os gatos que vivem na zona sul da cidade e deve ser repetido durante os próximos três anos - pontua que a ave, ameaçada de extinção, costuma fazer ninhos no chão, por isso, viram uma presa fácil para os caçadores felinos.

“Entre outras coisas, a sobrevivência da espécie depende de cada filhote”, disseram autoridades em Walldorf.

Segundo o decreto, se um gato matar um dos exemplares de cotovias que vivem em Walldorf, o dono pode ser multado no equivalente a até R$ 261 mil.

O líder da associação de proteção animal local está avaliando com advogados medidas legais para contestar o decreto. “Por favor, mantenham a calma. Garanto que faremos o possível para impedir esta medida desproporcional”, disse.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre