Eleições / Eleições 2022

Presidenta do Podemos soube da filiação de Moro a novo partido pela imprensa; veja comunicado

Foto: Reprodução / Instagram / @sergiomoro

Em nota, presidenta da legenda afirma que partido não mediu esforços para dar campanha robusta a Moro

Publicado em 01/04/2022, às 08h48 - Atualizado às 08h49    Foto: Reprodução / Instagram / @sergiomoro    Redação

Presidenta nacional do Podemos, a deputada federal Renata Abreu só soube da saída de Moro do seu partido pela imprensa. O ex-juiz, ex-ministro e, agora, ex-pré-candidato à presidência deixou a legenda após menos de 6 meses e rumou para a União Brasil, por onde vai concorrer a deputado federal pelo estado de São Paulo.

Em nota publicada na noite da última quinta (31), Renata Abreu escreveu que "jamais mediu esforços para garantir ao presidenciável uma pré-campanha robusta". O ex-ministro confirmou, em nota, que abriu mão da pré-candidatura a Presidência para se filiar ao União Brasil.

"Foi mais de um ano de conversas até a filiação de Moro e o lançamento de sua pré-candidatura à presidência pelo Podemos, respeitando seu momento de vida profissional e pessoal e trabalhando para oferecer ao Brasil uma esperança contra a polarização dos extremos", diz a nota.

Leia mais: Bolsonaro diz que fim de inquérito da PF mostra que Moro é traíra e mentiroso

No texto, Renanta Abreu afirma que ofereceu a Moro "toda retaguarda necessária" para deslocamentos em segurança pelo país com "total garantia de recursos para sua futura campanha eleitoral". 

O texto continua: "O Podemos não tem a grandeza financeira daqueles que detém os maiores fundos partidários, como é sabido por todos. Mas tem a dimensão daqueles que sonham grande, com a convicção de que o projeto de um Brasil justo para todos vale mais do que o dinheiro", disse a deputada federal.

Confira a nota completa nos tweets abaixo.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre