Política

Bolsonaro cria fake news sobre Camila Marinho

Imagem/TV Aratu

"A mulher da Globo deu uma pancada num colega meu da segurança lá", diz presidente sobre Camila Marinho

Publicado em 15/12/2021, às 18h48    Imagem/TV Aratu    Henrique Brinco

O presidente Jair Bolsonaro (PL) resolveu minimizar as agressões que jornalistas da TV Bahia e da TV Aratu sofreram durante a visita dele a Itamaraju no último fim de semana. O chefe do Palácio do Planalto disse a apoiadores que a repórter Camila Marinho teria dado uma "pancada" em um de seus seguranças.

Leia também:

"A imprensa agora está acusando que o meu pessoal ofendeu os jornalistas lá na Bahia. Quem ofendeu? Mostra as imagens. A mulher da Globo deu uma pancada num colega meu da segurança lá, mas isso não é nada. Agora, cadê, fez corpo de delito? Não fez nada, pô, só cascata", declarou no cercadinho do Palácio da Alvorada.

Imagens da TV Aratu comprovam que a acusação de Bolsonaro é falsa. O registro mostra que os microfones apenas "resvalaram" no integrante da comitiva presidencial quando ele subiu na carroceria de um veículo.

Leia também:

Em nota de repúdio, a TV Globo deu outra versão para o caso. O canal informou que Camila e o cinegrafista Cleriston Santana foram agredidos ao tentar se aproximar para entrevistar Bolsonaro após o presidente chegar no Estádio Municipal Juarez Barbosa. Ela, inclusive, foi vítima de uma espécie de "mata-leão" no local. A emissora afirmou que é "escandalosa" a atitude da Presidência "em deixar jornalistas à própria sorte" em meio a "apoiadores fanáticos".

Leia também:

Em um desabafo nas redes sociais logo após o ocorrido, Camila Marinho disse que não aceita ameaça e defendeu a imprensa livre. "Nenhuma ameaça nos tira da nossa missão de informar. Só lamento a truculência, o ódio e a covardia dos que se acham melhores e acima de tudo e de todos. Somos trabalhadores exercendo o nosso papel: jornalistas em busca dos fatos e da verdade. Mas antes de tudo somos seres humanos. E o mínimo que queremos é respeito", desabafou.

Leia também:

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão!

Classificação Indicativa: Livre