Justiça

Justiça concede liminar para suspender tramitação da PEC da Previdência na AL-BA

[Justiça concede liminar para suspender tramitação da PEC da Previdência na AL-BA]
Por: Divulgação Por: Redação BNews 0comentários

O deputado estadual Hilton Coelho (PSOL) conseguiu uma liminar na justiça para suspender a tramitação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que altera o regime de previdência dos servidores públicos estaduais.

O deputado ingressou no Tribunal de Justiça da Bahia com um mandado de segurança, com pedido liminar, para barrar a matéria apresentada pelo governador Rui Costa (PT).A desembargadora Rosita Falcão de Almeida Maia, relatora do feito, deferiu o pedido do parlamentar na tarde do último sábado (11).

Da mesma forma, qualquer deliberação a seu respeito fica suspensa até o julgamento definitivo do mérito. "Esta é uma primeira conquista contra a autoritária ação do governador Rui Costa. O processo legislativo para tramitação da emenda foi realizado de forma extremamente apressada, atropelando o Regimento Interno da Assembleia Legislativa da Bahia", avalia.

O regime de prioridade para a PEC foi aprovado em sessão ordinária realizada no último dia 18 de dezembro. Hilton defende que as circunstâncias de realização desta sessão vão de encontro com o que a Constituição Federal, Estadual e o Regimento Interno da Casa determinam: a presença de no mínimo 32 deputados para que ocorra qualquer deliberação.

Ele acrescenta que, da mesma maneira, a proposição não foi previamente publicada no Diário Oficial – o que aconteceu somente no dia 19 de dezembro. Assim, o parlamentar argumenta que os deputados não sabiam formalmente da existência da proposta.

"A entrada em pauta da PEC em período voltado aos festejos natalinos e de início de novo ano, verifica-se que houve claro prejuízo ao impetrante e eventuais parlamentares que também tivessem interesse em promover emendas ao projeto", concluiu a desembargador, em sua decisão.

Ela acrescenta que existe a possibilidade de nova deliberação liminar "a qualquer momento", após a manifestação do presidente da AL-BA, parte impetrada no mandado. O Estado foi intimado, por meio do Procurador Geral do Estado (PGE), para ingressar no feito - se assim quiser. 

"Após as informações e o pronunciamento do ente estatal, ou as devidas certificações de ausência de manifestação, abra-se vista à douta Procuradoria de Justiça [Ediene Lousado], a fim de que se manifeste", acrescentou.

Na hipótese de requerimento de diligência, o Ministério Público da Bahia (MP-BA) deverá se posicionar quanto ao mérito do mandado impetrado por Coelho.

*Atualizada às 11h12, para acréscimo dos três últimos parágrafos

Notícias Relacionadas: 

Rosemberg leva nova proposta de servidores a Rui Costa; governo responde até quinta-feira (9)

Servidores protestam na AL-BA contra PEC 158 que muda regime de aposentadoria
“O mandato dele é fortemente marcado pelo autoritarismo”, diz Hilton sobre Rui Costa
Servidores se reúnem com líder do governo nesta terça para debater PEC da Previdência de Rui
Líder do governo, Rosemberg confirma início de discussões da PEC da Previdência na AL-BA nesta segunda
Após enviar PEC da Previdência, Rui se recusa a falar com imprensa
AL-BA: PEC da Previdência será apreciada em janeiro durante sessão extraordinária
Em PEC da Previdência, Rui aumenta idade mínima de aposentadoria para servidores

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

PodCast

Mais Lidas