Política

Líder da oposição na Câmara menciona reajuste de servidores ‘diferente do anunciado’

Joilson César/BNews

Líder da oposição na Câmara celebra reajuste dos servidores, mas lembra que foi "diferente do anunciado pela Prefeitura"

Publicado em 26/07/2022, às 10h45    Joilson César/BNews    Thiago Conceição

O líder da oposição na Câmara Municipal de Salvador (CMS), vereador Augusto Vasconcelos (PCdoB), celebrou a aprovação do reajuste dos servidores municipais de Salvador, em comunicado divulgado nesta terça-feira (26). No entanto, mencionou que o valor de aumento não correspondeu ao índice acima da inflação dos últimos doze meses, como chegou a ser anunciado pelo prefeito Bruno Reis (UB).

A proposta de reajuste salarial dos servidores municipais da capital baiana foi aprovada pela Câmara no último dia 19, em sessão extraordinária convocada presidente da Casa, Geraldo Júnior (MDB), que coordenou a reunião.

“A aprovação do reajuste inclui 6% de aumento e um acordo de que o pagamento de avanços de níveis salariais devidos aos servidores varie entre 2,5% e 5,5%, de acordo com a função e o tempo de serviço público de cada profissional. [...] Diferente do anunciado pela Prefeitura, a reposição não correspondeu ao índice acima da inflação dos últimos doze meses”, disse Augusto Vasconcelos.

O líder da oposição na Câmara ainda destacou que o reajuste ocorreu após “intensos meses” de negociações e de diversas mobilizações feitas pelos trabalhadores do município, com a participação do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps).

“Nossa mobilização ainda não acabou. Vamos seguir ao lado dos agentes comunitários de saúde e de combate às endemias para assegurar o cumprimento da Emenda Constitucional 120 que assegura o piso nacional”, acrescentou Augusto Vasconcelos.

Siga o Tiktok do BNews e fique por dentro das novidades.

Classificação Indicativa: Livre