BNews Pet

Cadela é abusada sexualmente por morador de rua em bairro de Salvador; veja vídeo

Reprodução/Redes Sociais

Cadela vira lata é abusada sexualmente por morador de rua e polícia investiga o caso

Publicado em 07/03/2022, às 18h58    Reprodução/Redes Sociais    Milena Ribeiro

Uma cadela chamada Xuxa foi abusada sexualmente por um morador de rua, no bairro de Paripe, em Salvador. O caso aconteceu no dia 21 de fevereiro e foi flagrado através de uma câmera de segurança. Com Xuxa, havia mais duas cadelas, Brit e Branquinha. Todos elas foram resgatados e estão sob a guarda da ONG Doce Lar.

O caso ganhou repercussão na capital baiana após as imagens ganharem espaço nas redes sociais. Segundo relatos, os animais eram cuidados pela dona de uma lanchonete no bairro, contudo, após fechar o estabelecimento, ela colocava um colchão em frente ao local e os cães dormiam na rua. Nas imagens, dá para perceber que o homem se deita no colchão com as cadelas e começa a abusar sexualmente de Xuxa.

Leia Mais:

Vídeo: Ativistas denunciam síndico de condomínio de Salvador por expulsar gato que morava no local há 10 anos
Vídeo: Cadela é agredida com cabo de vassoura por idoso em Brotas; animal está em adoção
Cadela resgatada de rua faz sessão de fotos e encanta internautas; veja imagens

A gestora da ONG Doce Lar, Constança Costa, contou que resgatou os animais e que dois deles estão com alguns problemas de saúde. Duas cadelas estão com suspeita de cinomose e uma está com suspeita de doença do carrapato. Xuxa, a que foi molestada, não apresentou nenhum problema.

A tutela dos animais, que até então estava com a dona da lanchonete, foi passada formalmente para Constança e os animais passaram a viver na ONG até encontrarem um lar fixo.

Cadelas são resgatadas após caso de estupro - Xuxa

Cadelas são resgatadas após caso de estupro - Branquinha

Cadelas são resgatadas após caso de estupro - Pit

Já foi feito Boletim de Ocorrência (B.O) da situação e o delegado Ricardo Amorim, que atua na 5ª Delegacia em Salvador, em Periperi, está à frente do caso. O morador de rua, contudo, ainda não foi encontrado.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre