BNews Pet

Família comemora o Natal com antecedência para que o cachorro esteja com eles pela última vez

Arquivo pessoal

Scooby não estava bem há algum tempo. O cachorro perdeu a visão e a audição e desenvolveu demência

Publicado em 06/12/2021, às 10h36    Arquivo pessoal    Redação

A família de Scooby sabia que ele não iria comemorar o Natal este ano. Portanto, a sua tutora, Molly Bradshaw, decidiu que o Natal chegaria mais cedo em sua casa em Bedfordshire, na Inglaterra, este ano. “Sempre envolvemos os animais no Natal, então Scooby ganhava presentes todos os anos e sobras de assado, então ele sempre gostava e fazia parte das comemorações”, disse Bradshaw à ABC News.

Scooby não estava bem há algum tempo, segundo Bradshaw. Problemas de longa data nas costas que ameaçavam sua vida a cinco anos. Ele perdeu a visão e a audição e desenvolveu demência. “Tornei-me seu cuidador em tempo integral, incapaz de deixá-lo porque ele não se acomodava sem mim e levantando-me durante a noite para levá-lo ao banheiro, para tomar água ou para acalmá-lo”, disse Bradshaw.

“Amigos ajudaram Bradshaw a decorar a casa com enfeites, correntes de papel, a árvore, um livro de regras de Natal e flocos de neve pendurados no teto. Com as canções de Natal berrando, Scooby foi o centro da celebração o tempo todo.” O Natal de Scooby foi celebrado em meados de novembro.

“Em nosso último dia planejado, organizamos uma última caminhada com o cachorro, abertura de presente, uma refeição de Natal e, em seguida, despedidas finais”, disse Bradshaw.

Leia Mais:

Gato “bate na porta” pedindo para entrar e se proteger do frio; veja imagens
Vídeo de gato sonhando viraliza nas redes sociais e encanta internautas; assista

Acompanhe o BNews PET também no Instagram.

Classificação Indicativa: Livre