BNews Pet

Morre golfinho encontrado em praia de Salvador e veterinária suspeita de agressão

Reprodução/Redes Sociais

Golfinho foi encontrado no Rio Vermelho, nesta quinta-feira (17)

Publicado em 17/01/2022, às 16h34    Reprodução/Redes Sociais    Redação BNews

Um golfinho, encontrado nesta quinta-feira (13) por banhistas, na Praia da Paciência, em Salvador, morreu nesta segunda (17) na sede do Instituto de Mamíferos Aquáticos (IMA), onde ele estava recebendo os devidos cuidados após ser resgatado. De acordo com os especialistas, a causa da morte foi síndrome por estresse.

Durante o atendimento ao golfinho, foram identificadas marcas na pele do animal que aparentam ser de rede de pesca. Eles suspeitam que o animal tenha sido agredido por humanos.

Leia Mais:

Foca pula em barco para escapar de ataque de orcas; assista
Pug irrita pitt bull e reação do animal diverte web; assista
Baleias jubartes encalham em número recorde no litoral do Brasil

A médica veterinária Joana Ikeda disse ao G1 que o animal tinha umas lesões traumáticas na parte do rosto e mandíbula, que são compatíveis com o quadro de agressão, mas que só será concluído com a necropsia.

“Nossa suspeita é que as agressões tenham sido provocadas por ser humano pelo padrão das lesões. Quando golfinhos caem na rede, acontece dos pescadores baterem para tentar parar o animal. Como ele tem marca de emalhe, nós trabalhamos com essa suspeita”, comentou.

O IMA relatou que realizou tratamentos de suporte, controle de dor, curativos e um rigoroso protocolo nutricional administrado por sonda gástrica, já que o edema de língua impossibilitava a alimentação sólida.

O Caso:

A presença de um golfinho agitou a praia da Paciência, no Rio Vermelho, em Salvador, na tarde de quinta-feira (13). O animal foi encontrado próximo às pedras. Os banhistas que encontraram o golinho tentaram manter o animal na água, para que ele não encalhasse na areia,

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) foi acionado para retirar o golfinho da praia.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre