Eleições / Eleições 2022

Rui nega que Leão tenha pedido para ocupar o Executivo Estadual

Joilson César | BNews

Chefe do Executivo Estadual baiana reforçou que ele pretende finalizar o mandato

Publicado em 14/03/2022, às 10h51    Joilson César | BNews    Com informações do repórter João Brandão

O governador da Bahia Rui Costa (PT) negou, na manhã desta segunda-feira (14), que o vice-governador João Leão (PP) tenha pedido para assumir o cargo de chefe do Executivo Estadual. “Essa hipótese não existe, Leão, nunca me pediu para ser o chefe do executivo estadual. Até porque soaria estanho, para alguém que eu considero como amigo, pedir a cabeça do seu amigo para continuar sendo amigo”, disse o governador à imprensa durante a inauguração do novo Centro de Hemorragia Digestiva do Hospital Roberto Santos, em Salvador.

Além disso, Rui ainda reforçou que ele pretende finalizar o mandato. “Quem me colocou no cargo foi o povo da Bahia. Aliás, colocou a mim e colocou ele também. A mim, como governador, e a ele, como vice, cada um em sua função, e assim eu pretendo concluir meu cargo até 31 de dezembro deste ano”.
Questionado sobre a relação com o vice-governador, Rui destacou que sempre foi “boa, afetuosa, e de respeito”. “Ele saiu na sexta, reafirmando que qualquer alteração ele me procuraria para conversar. Ele me pediu para relaxar sábado e domingo, e a gente volta a conversar no dia de hoje”.

Leia mais

Rui fala sobre definição da vinda de Lula para Bahia nesta semana

Otto Alencar confirma apoio do PSD a Jerônimo Rodrigues na disputa pelo Governo da Bahia

Jerônimo nega estar em ritmo de pré-campanha

Na oportunidade, o petista voltou a criticar parte da imprensa por repercutir os bastidores da situação. “Hoje, os blogs estão muitos criativos, eles criam realidades virtuais todos os dias e conseguem enganar muitas pessoas. Infelizmente, tem muita pessoa que deixou de viver a vida real e passa o dia inteiro vivendo a vida do celular, vivendo as verdades paralelas [criadas pelo blog]”, disparou. Além disso, o governador acrescentou que declarações públicas dele não ajudam na definição da chapa, e sim, “diálogos internos”.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre