BNews Nordeste

Pernambuco retira obrigatoriedade do uso de máscaras em locais fechados

Agência Brasil

Foram 703 dias de obrigatoriedade do uso do equipamento de proteção iniciados em maio de 2020

Publicado em 20/04/2022, às 07h18    Agência Brasil    Redação

O uso de máscaras faciais, proteção ao contágio do Covid-19, deixa de ser obrigatório em locais fechados de Pernambuco a partir desta quarta-feira (20). O anúncio foi feito pelo governo do estado nesta terça-feira (19), após 703 dias do início da medida devido à pandemia.

De acordo com o portal G1, apesar do decreto liberando os equipamentos de proteção, existem exceções. As máscaras serão obrigatórias nos ônibus, metrô, escolas, hospitais, consultórios e demais unidades de saúde.

Leia mais:

Depois da pandemia, surto de dengue hemorrágica preocupa o Piauí

Garoto de 3 anos morre após ser liberado duas vezes de hospital no Ceará

Relatório técnico sugere medidas de segurança para evitar acidentes nos Cânions do Xingó

A decisão do governador, Paulo Câmara (PSB) se baseou nos índices, em queda, da pandemia da Covid-19. Na última semana, o estado contabilizou 1.037 infectados pelo novo coronavírus e dez mortes de pessoas com a Covid-19, totalizando 915.203 casos da doença e 21.552 óbitos pela infecção.

“Na semana passada, atingimos o patamar de 80% da população vacinada com duas doses ou dose única, e mais de 80% dos maiores de 60 anos com a dose de reforço. Esses números nos dão condições de avançar mais um passo no nosso Plano de Convivência com a Covid e encerrar a obrigatoriedade do uso de máscaras em locais fechados", afirmou o governador que continua incentivando a população a se vacinar.

“Vamos continuar incentivando a vacinação e trabalhando para encerrar definitivamente esse capítulo da nossa história", disse Câmara.

A obrigatoriedade do uso de máscara em todo o estado estava em vigor desde o dia 16 de maio de 2020.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre