Polícia

Cantor baiano é sequestrado e ameaçado por homens armados

Reprodução Redes Sociais

Durante o caminho, ele contou que era forçado a tentar realizar diversas transações via pix

Publicado em 24/05/2022, às 18h23 - Atualizado às 18h24    Reprodução Redes Sociais    Redação Bnews

O cantor Renanzinho, vocalista da banda CBX Samba Club, banda de destaque na Cidade Baixa quando o assunto é samba, sua esposa e um amigo foram vítimas de um sequestro relâmpago na região do bairro do Rio Vermelho, orla da capital baiana, no último domingo (22).

Leia também: 

Após mortes na Vila Cruzeiro, PM culpa STF por criminosos migrarem ao Rio

Homem é preso acusado de homicídio após briga entre crianças em Paulo Afonso

Segundo informações concedidas pelo cantor em entrevista ao programa Balanço Geral da RecordTV Itapoan, ele estaria chegando a uma boate famosa, quando foi abordado por  homens armados. 

Os suspeitos pediram para que todos ficassem dentro do veículo e tomaram a condução, saindo do bairro em uma direção desconhecida. O cantor foi mantido de cabeça baixa o tempo inteiro, sob a mira dos bandidos, rodando por diversos bairros por cerca de 2 horas. 

Durante o caminho, ele contou que era forçado a tentar realizar diversas transações via pix pelos homens que alegavam a todo tempo que iam matar o músico e todos que ali estavam. Inclusive, um deles teria sinalizado que Renan deveria ter um segurança, que por conta da falta deste tipo de profissional ele teria sido vítima da ação. 

No final do percurso, os passageiros e o cantor foram abandonados na altura da Av. Garibaldi. Os suspeitos levaram celulares, roupas e outros pertences que estavam dentro do carro. Os homens fugiram levando o carro do cantor.

Horas depois, o veículo foi encontrado no bairro Dois de Julho. Os criminosos ainda não foram identificados e a polícia civil investiga o crime. 

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão!

Classificação Indicativa: Livre