Política

Criação do União Brasil é aprovada por unanimidade pelo TSE

Divulgação/DEM

Nova legenda validada pelo TSE surge da fusão entre o PSL e DEM, e tem a maior bancada do Congresso Nacional

Publicado em 08/02/2022, às 20h20    Divulgação/DEM    Redação Bnews

A criação do União Brasil, partido que surgiu da junção do Democratas e do Partido Social Liberal (PSL), foi aprovada por unanimidade pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta terça-feira (8).

Leia mais:
Vice-presidente do União Brasil diz que saída de bolsonaristas é 'livramento'
União Brasil nasce rachado com divergência sobre Moro

Desde 6 de outubro do ano passado as legendas já haviam autorizado, em suas próprias convenções nacionais, a criação do estatuto da nova sigla, que adotará o número 44 nas urnas.

O novo partido terá a maior bancada do Congresso Nacional. Atualmente, o PSL possui 55 deputados e o DEM 26, totalizando 81 deputados federais. No Senado Federal, o DEM possui 5 e o PSL 2, totalizando 7. 

O partido ainda vai contar com 3 governadores estaduais (Goiás, Mato Grosso e Rondônia), 129 deputados estaduais e distritais e 552 prefeituras. Com a fusão, o União Brasil terá acesso a R$ 1 bilhão de fundo eleitoral.

O número de parlamentares ainda pode mudar entre março e abril por conta da chamada “janela partidária”, que ocorre seis meses antes das eleições. Nesse período, que dura 30 dias, os políticos podem mudar de partido sem perder o mandato atual.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão


Classificação Indicativa: Livre