BNews Pet

Vídeo: Gata e filhote se tornam inseparáveis após restante de ninhada falecer

Reprodução/Instagram @newkittensontheblock

Mamãe gata e filhote se tornam inseparáveis após perda em família

Publicado em 25/04/2022, às 16h55    Reprodução/Instagram @newkittensontheblock    Redação BNews

Uma felina foi resgatada por uma equipe especializada em resgate de animais de rua e levada grávida até um abrigo de animais de Indianápolis nos Estados Unidos, onde deu a luz a quatro filhotinhos. Porém, o estado de saúde da gata não era muito bom e isso acabou refletindo em seus filhos. 

A família foi transferida para outro centro de proteção animal, o IndyHumane, onde recebeu cuidados especiais, pois os pequenos estavam com falta de vitamina por causa das dificuldades que a felina passou nas ruas. A mãe gata recebeu o nome de Bunny. 

Mesmo com os esforços do abrigo, a história não acabou muito bem. Bunny apresentou problemas respiratórios e dificuldade na produção de leite, o que acabou debilitando os filhotes que ainda estavam sendo amamentados pela felina. 

Leia Mais:

Será que gatos reconhecem os nomes de outros felinos da casa e até dos donos? Veja o que diz o estudo
Vídeo: Gatinho ‘acha’ que é cachorro e hábitos fazem sucesso na web
Mulher pede ajuda ao marido para fazer ensaio de filhotes e resultado não sai como esperado; assista

"A família foi para a UTI da IndyHumane, para que Bunny pudesse receber mais cuidados de apoio. Apesar da intervenção, infelizmente, três dos quatro gatinhos não sobreviveram, deixando Dash como um único filho", explicou a voluntária do abrigo de animais, Jennifer.

Após perder três dos seus quatro filhotes, Bunny voltou toda sua atenção a Dash, que não apresentou nenhum problema, e eles se tornaram inseparáveis. "Bunny é muito atenciosa, então com apenas Dash sobrando, ela literalmente dá muita atenção a ele. Ela é muito jovem, então esta foi provavelmente sua primeira (e felizmente última) ninhada", contou a voluntária.

Com o tempo, Dash começou a ser mais ativo e a brincar com os voluntários do abrigo e com sua mãe, que é muito dedicada e faz de tudo para não deixá-lo sozinho. Apesar das mães gatas apresentarem desapego aos seus filhos após o desmame, não é isso que está acontecendo com Bunny e o seu filhote

"Na minha experiência com adoção, a maioria das mamães gatas naturalmente começa a se separar de seus filhotes quando desmamam. Não sei se este caso será diferente, já que Dash é um gatinho solitário agora e ela é tão jovem. Em última análise, a decisão caberá a Bunny", pontuou Jennifer. 

Nas redes sociais, a dupla é sempre vista junta e já possuem seus admiradores. 

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre