BNews Pet

Web faz vaquinha para transportar corpo de Shurastey e Jasse Koz para o Brasil; relembre história da dupla

Reprodução/Instagram @jessekoz

Relembre história da dupla que saiu de Santa Catarina e conheceu 17 países

Publicado em 25/05/2022, às 08h52    Reprodução/Instagram @jessekoz    Redação BNews

O cachorro da raça golden retriever, chamado Shurastey e o tutor Jasse Koz, de 29 anos, que morreram após um acidente de carro nos Estados Unidos, nesta terça-feira (24), ainda são bem queridos pelo públivo, e, mesmo após morte, mobilizaram os internautas, que fizeram uma campanha para arrecadar fundos em prol de trazer os corpos da dupla para o Brasil. O objetivo, que foi atingido rapidamente, era conseguir R$ 120 mil. 

Shurastey e Jasse já haviam viajado 17 países e compartilhavam todas as suas aventuras nas redes sociais. O Instagram do cachorro era um grande sucesso, com mais de 700 mil seguidores. A dupla tinha como meta chegar no Alasca em setembro. 

Leia Mais:

Homem adapta moto para fazer viagem com cachorro; veja vídeo
Cachorro se perde dos seus tutores durante viagem e percorre 380 km para voltar para casa
Família leva cachorro doente para a viagem dos sonhos nos últimos dias de vida

Relembre história 

O brasileiro, que era vendedor antes de decidir entrar em seu carro com seu cachorro para conhecer o mundo, conquistou muito mais do que conhecimento sobre os países por onde passou. Ele conquistou uma relação de muito maior de amizade com seu doguinho e um público fiel de anônimos e famosos, que adoravam acompanhar suas aventuras. 

Ainda em vida, Jesse disse à Folha que a receptividade era muito boa por onde eles passavam. "Uruguaios, argentinos, chilenos, paraguaios. Sempre nos receberam muito bem e tivemos muitos momentos bacanas e divertidos", assegurou o paranaense. Koz ainda contou que a inspiração para o nome do pet veio da famosa música "Should I Stay or Should I Go", da banda The Clash. 

"Esse nome surgiu de uma brincadeira com alguns amigos, quando apareceu um cachorro de rua e ficamos discutindo qual seria o nome eu disse: Shurastey ou Shuraigow? A galera riu, e eu falei que quando tivesse um cachorro ele se chamaria Shurastey. Assim foi", contou o brasileiro. A rede social do pet, inclusive, tem essa indagação no lugar do nome. "Shurastey or Shuraigow?", brincou no Instagram. 

A dupla saiu de Santa Catarina em direção a Ushuaia, na Argentina. Em seguida, percorreram o Brasil e depois viajaram para os Estados Unidos. Durante o percurso, Jesse e Shurastey dormiam em camping ou conseguiam abrigo com pessoas desconhecidas.

Após a tragédia, alguns famosos se pronunciaram sobre a morte da dupla e prestaram as últimas homenagens nas redes sociais. O ex-piloto de Fórmula 1, Rubens Barrichello comentou: "Meu Deus, que coisa mais triste… RIP amigo. Foi um prazer conhecer vcs dois. Sinto muitíssimo". Já o apresentador Celso Portiolli escreveu: "Não é possível. Que tristeza". 

Na sua bio do Instagram, Jesse escreveu a seguinte frase: "Ou se morre como herói, ou vive-se o bastante para se tornar o vilão". Nos comentários da sua última foto, muitos internautas comentaram sobre a frase e uma garantiu: "E você se foi como herói". 

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre