Cidades

Chuvas: Mais afetadas, Jucuruçu e comunidade de Itamaraju seguem isoladas

Reprodução/Facebook/Prefeitura de Jucuruçu

Nesta sexta (10), caminhões com kits humanitários foram enviados para a região das chuvas, com água, colchões, lonas e alimentos

Publicado em 10/12/2021, às 16h56    Reprodução/Facebook/Prefeitura de Jucuruçu    Redação

O município de Jucuruçu e uma comunidade de Itamaraju seguem ilhados nesta sexta-feira (10). As duas cidades são as mais afetadas pelas fortes chuvas que atingem o extremo sul da Bahia e estão entre os municípios que tiveram decreto de situação de emergência homologados pelo governo do estado.

O desmoramento de um trecho da BA-284 impede o acesso a Jucuruçu. De acordo com o último boletim da Superintendência de Proteção e Defesa Social do Estado da Bahia (Sudec), a estimativa é que haja duas mil pessoas desabrigadas na cidade. A tendência, no entanto, é que os números, que são levantados pelas prefeituras, subam.

Leia mais:Ministros de Bolsonaro enfrentam dificuldades para chegar a Teixeira de Freitas (BA)

Há registros de alagamentos, inundações e deslizamentos, e necessidade de donativos e água potável para a população.

Nesta sexta-feira (10), três caminhões com kits humanitários foram enviados pelo órgão para a região - um com água e dois com colchões, lonas e alimentos.

Em Itamaraju, a localidade de Nova Alegria está isolada dentro do município. Ao menos três pessoas morreram e outras 100 estão desabrigadas.

Também há registros de alagamentos, inundações e deslizamentos. A cidade teve três saídas bloqueadas, mas o acesso pela BR-101 deve ser liberado em breve, de acordo com a Defesa Civil.

Na terça-feira (7), o governador Rui Costa (PT) determinou o envio de equipes do 18º Grupamento do Corpo de Bombeiros, localizado na cidade de Texeira de Freitas, e da Sudec aos municípios atingidos pelas chuvas, para auxiliar no resgate às vítimas e avaliar os estragos provocados pelos temporais. Duas aeronaves do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer) também foram acionadas.

"Assim que soube das tragédias provocadas pelos temporais, determinei que os órgãos do estado façam os levantamentos necessários e deem todo o apoio possível aos municípios atingidos. Me solidarizo com familiares e amigos das vítimas”, declarou Rui.

> Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre