Política

Alckmin diz que aliança para ocupar vice de Lula "caminha"

Divulgação

O ex-governador de São Paulo se reuniu com centrais sindicais

Publicado em 29/11/2021, às 15h26    Divulgação    Redação BNews

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) disse, durante encontro com centrais sindicais hoje (29), que a aliança para ocupar a vice de Lula (PT) na chapa pela Presidência "caminha".

De acordo com o jornal O Globo, estavam presentes na reunião os comandos da Força Sindical, UGT, Nova Central e CTB. Apenas os representantes da última, que é ligada ao PCdoB, não foram diretos no apelo para que Alckmin formasse a chapa.

"Preparei-me novamente pra ser governador do estado. Surgiu a hipótese federal. Os desafios são grandes. Essa hipótese caminha e eu considero essa reunião com as quatro principais centrais histórica", afirmou o ex-governador.

Alckmin deve se reunir com sindicatos ligados à alimentação no dia 8 e aos metalúrgicos no dia 16.

Jaques Wagner apoia chapa

O senador Jaques Wagner (PT) tem feito "campanha" nos bastidores a favor de uma aliança entre Alckmin e o ex-presidente Lula para formarem uma chapa na disputa pela Presidência em 2022.

De acordo com a coluna Radar, da revista Veja, o ex-governador da Bahia tem dito aos colegas senadores que a aliança "definirá a eleição".

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre