Política

Feira de Santana: Presidente da Câmara confirma nova CPI contra gestão de Colbert Martins

Reprodução/Facebook

Publicado em 23/09/2021, às 11h42    Reprodução/Facebook    Luiz Felipe Fernandez

O presidente da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, Fernando Torres (PSD), confirmou nesta quinta-feira (22) a abertura de uma nova CPI contra a gestão do prefeito Colbert Martins Filho (MDB), esta para apurar possíveis desvios na área de saúde a partir de irregularidades na contratação de terceirizados.

O requerimento de instalação da CPI foi lido nesta manhã, no mesmo dia em que foi retomada a CPI da Cesta Básica, e os membros serão definidos na próxima semana.

A CPI da Cesta Básica investiga a suspeita de distribuição de alimentos com fins eleitoreiros a uma denúncia de venda de leite do programa de assistência social, por parte da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso). O prefeito Colbert nega as supostas irregularidades e garantiu que tem a "consciência tranquila" acerca de sua conduta.

"Nós reabrimos a CPI da Cesta Báica, a Justiça pediu para ser diferente e nós mudamos o regimento, o que nós fizemos ontem, e a CPI vai continuar", explicou Torres.

Em conversa com o BNews, o vereador adotou um tom bem mais moderado se comparado a discursos no Plenário quando chegou a chamar Colbert Martins de ex-presidiário e disse que entre ele e o ex-prefeito Zé Ronaldo, não sabia quem roubava mais.

Sem entrar no campo da rixa política, o presidente da Casa destacou a independência do poder legislativo municipal e garantiu que não tem vínculo com Colbert "nem com o outro lado".

"O que for para apurar, nós vamos apurar. Se a Prefeitura tiver razão, vai continuar na razão. Se não, nós vamos pedir que tenha a sua punição", resumiu.

Leia mais:

Fernando Torres diz que empresa contratada por ex-presidente recebe R$ 3 mil e paga R$ 800 para terceirizados

Presidente da Câmara de Feira faz críticas a Colbert e Zé Ronaldo: “a briga é para ver quem rouba mais”

"Zé Ronaldo será leal a mim", diz Colbert Martins sobre apoio eleitoral em Feira de Santana

Feira: Colbert diz que fica no MDB e afirma que terá apoio de Zé Ronaldo em 2020

"Inegavelmente Colbert era o melhor, não tenho sombra de dúvidas", comemora José Ronaldo

ISOLAMENTO

Se na Câmara o prefeito Colbert Martins enfrenta dificuldades, no próprio MDB ele sofre com o isolamento. Por um lado, alguns atribuem ao próprio jeito do gestor, pouco preocupado com as articulações políticas e nomeações, deixando de lado quadros tidos como importantes e dando espaço a nomes de partidos aliados. 

A inabilidade do prefeito e dificuldade em dar ao MDB a envergadura que poderia ter com o comando da segunda maior cidade da Bahia, já foi colocada na mesa por lideranças importantes do partido. 

Neste cenário de enfraquecimento, Colbert vê Geraldo Júnior crescer o olho em Feira de Santana e ambos já trocaram farpas publicamente. Depois de entrar em Vitória da Conquista, o presidente da Câmara de Salvador quer abocanhar votos na cidade em nome da sua candidatura à Câmara Federal em 2022.

Leia também:

- Funkeiro se casa com desafeto da própria mãe e gera revolta da família; entenda
- Cantor baiano usa a preocupação dos próprios fãs para se promover e é criticado por internautas; entenda
- Xand Avião pede desculpas após suposto empurrão em humorista
- PC indicia patroa acusada de agredir babá pelos crimes de ameaça, lesão corporal, cárcere privado e trabalho escravo

Classificação Indicativa: Livre